ENTRETENIMENTO
13/03/2020 12:25 -03

Disney fecha parques na Califórnia, na Flórida e em Paris por coronavírus

A linha de cruzeiros da Disney também vai suspender novos embarques a partir de sábado (14).

A Walt Disney Company vai fechar as portas de seus parques temáticos na Califórnia e na Flórida, além do resort em Paris, a partir deste final de semana até o fim do mês em decorrência do surto global de coronavírus, informou a companhia na quinta-feira (12).

A linha de cruzeiros da Disney também vai suspender novos embarques a partir de sábado, acrescentou a empresa.

“Estamos prosseguindo com o fechamento de nossos parques temáticos no Walt Disney World Resort na Flórida e no Disneyland Paris Resort, começando no fim do expediente do próximo domingo, 15 de março, até o final do mês”, informou a empresa em comunicado.

Os hotéis em ambos os locais vão permanecer abertos até novo aviso, acrescentou a empresa.

Os parques temáticos da empresa em Hong Kong, Xangai e Tóquio seguem fechados desde o início deste ano em resposta ao surto de coronavírus iniciado na China.

As ações da Disney caíram 13%, em um dia em que os principais índices da Wall Street caíram cerca de 10%.

Nenhum caso de Covid-19 foi registrado nos parques de Anaheim, na Califórnia, disse um representante da organização em nota. O anúncio coincide com as restrições estaduais a respeito de eventos públicos.

Os estúdios da Universal Studios, da Comcast Corp’s, perto de Los Angeles, também ficarão fechados a partir de sábado com previsão de reabertura em 28 de março, segundo comunicado.

É bom saber...

Apesar da alta capacidade de disseminação do novo coronavírus, em cerca de 80% dos casos de contaminação, os sintomas aparecem de forma leve. Menos de 5% dos casos evoluem para um quadro grave. A principal preocupação é com idosos e pessoas com doenças crônicas. Em infectados com menos de 50 anos, a taxa de mortalidade é de menos de 1%.

Eleições nos EUA
As últimas pesquisas, notícias e análises sobre a disputa presidencial em 2020, pela equipe do HuffPost